1ª página
Página Principal Bem vindo (a) www.sportmotores.com 21/01/2022 17:38 GMT





Calendário Actual
Janeiro - 2022
DomSegTerQuaQuiSexSab
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031    


Provas a Decorrer
Rali de Monte Carlo



Proximas 3 Provas
24 horas de Daytona
24 Horas de Nurburgring
6 horas de Fuji (WEC)








GP do Qatar: Marko aponta o dedo à "incompetente" FIA
Data: 22/11/2021 11:00

O Dr. Helmut Marko não foi meigo nas palavras depois do chefe da Red Bull, Christian Horner, ter sido oficialmente repreendido por atacar um comissário "desonesto" no Qatar.

A frustração de Horner sobre a penalidade pré-corrida para o líder do campeonato Max Verstappen, com o holandês a ser punido por ter ignorado o aceno de bandeiras amarelas nos momentos decisivos do Q3.

“Pelo menos eu não o insultei no rádio nem apontei o dedo para ninguém”, disse Horner, direcionando a sua ira amarga ao colega da Mercedes, Toto Wolff.

O Dr. Marko disse que entende a raiva de Horner. “A raiva é sobre um carro não ter sido mostrado a bandeira amarela, o próximo carro foi-lhe mostrada uma e ao terceiro carro mostraram-lhe duas”, afirmou. “É apenas sobre a inconsistência.”

É também sobre o campeonato mundial, com Verstappen tendo que recuperar as posições perdidas para terminar em segundo, em vez de começar de P2 como ditou o resultado da qualificação.

“Se o Max tivesse começado em segundo, teria terminado mais perto”, concorda Marko. “Logicamente, perdeu algum tempo na fase inicial e teve que exigir mais dos pneus.”

Quanto a Horner, o ex-piloto de F3000 pediu desculpas pela sua explosão.

“Ele também pediu desculpas pessoalmente à pessoa que mostrou a bandeira amarela”, revelou o diretor de corrida da F1, Michael Masi. “Para crédito de Christian, ele também se ofereceu para participar numa workshop de comissários em 2022. Do meu ponto de vista, protegerei todos os voluntários em todas as pistas, em todas as partes do mundo, porque esses comentários sobre eles são inaceitáveis”, acrescentou o funcionário da FIA.

Ontem, o holandês Max Verstappen fez o esperado cumprido o objectivo, roubando 1 ponto a Lewis Hamilton, que poderá ser determinante no final da temporada.

O próprio Verstappen, cuja liderança do título para Lewis Hamilton agora cai para apenas 8 pontos com duas corridas pela frente, disse quando questionado sobre a penalidade: "Eu nunca recebo presentes dos comissários, por isso, tudo bem - sem surpresas."

Todavia, Marko, transfere a sua frustração do comissário de pista em questão para a FIA, como organização, e cujo presidente Jean Todt está de saída, e cujo os erros não se podem perdoar a este nível.

“É ridículo”, disse o austríaco de 78 anos ao Sport1. “A FIA não consegue estabelecer um sistema de controle decente e tenta esconder a sua incompetência colocando-a sobre os ombros dos pilotos. Na era digital, os pilotos têm tudo na ecrã. E não havia nada na ecrã. E de repente uma pessoa inexperiente estava a agitar bandeiras. Então veio a mensagem do Masi de que estava tudo bem, e ao mesmo tempo Max viu o sinal verde que pensava ser para ele. Foi uma situação infeliz e, na minha opinião, nenhum dos pilotos deveria ter sido punido”, disse Marko.

Michael Masi não tem sido tão consensual como era o seu antecessor Charlie Whiting. Também, com Jean Todt de saída da FIA, e a incapacidade da federação internacional em saber comunicar, mais intervenientes a atacar a FIA deverão aparecer neste momento quente da F1.

Ramón Herrera


Links relacionados
 
Noticias:
   GT4: Porsche lança novo carro
   GP do Qatar - Treinos-Livres: Mercedes deixa Red Bull preocupada
   GP do Qatar - Corrida: Hamilton vence e Verstappen reduz estragos
   GP Qatar: Bottas defende-se dos críticos e diz que tem carro diferente de Hamilton
   F1: Alonso está pronto para lutar com Verstappen e Hamilton
Categorias:
   Internacional
   Fórmula 1
FotoFlash

Galeria
Galerias de Fotos









Mail List
Se pretender receber informação periodica sobre este site por favor inscreva-se indicando o seu:
Nome:
E-mail:



R4 Sim Racing

Direita3 - Desportos Motorizados

     Copyright sportmotores.com 2000-2007
Envie as suas noticias para press@sportmotores.com
Comentários e Sugestões: webmaster@sportmotores.com