1ª página
Página Principal Bem vindo (a) www.sportmotores.com 18/01/2022 22:48 GMT





Calendário Actual
Janeiro - 2022
DomSegTerQuaQuiSexSab
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031    


Provas a Decorrer



Proximas 3 Provas
24 horas de Daytona
24 Horas de Nurburgring
6 horas de Fuji (WEC)








FE: Félix da Costa esteve perto de assinar pela Mercedes
Data: 17/11/2021 08:24

Agora que é uma certeza que António Félix da Costa vai fazer mais uma temporada no Campeonato do Mundo FIA de Fórmula E, o portal The Race de língua inglesa dissecou a quase transferência do piloto de Cascais para a equipa da Mercedes.

António Félix da Costa estaria na fila para substituir Nyck de Vries na Mercedes se o atual campeão da Fórmula E tivesse sido selecionado para se juntar à equipa Williams de Fórmula 1 em 2022. De Vries foi seriamente considerado para a mudança para a F1 semanas depois de conquistar o primeiro campeonato mundial de Fórmula E em Berlim, mas acabou perdendo na corrida por essa vaga para o tailandês Alex Albon.

Ao mesmo tempo, o campeão de 2019/20 estava gravemente perturbado na DS Techeetah, pois as dificuldades financeiras ameaçavam desestabilizar ainda mais a equipa após problemas decorrentes da falta de investimento do seu proprietário, a empresa chinesa SECA, ao longo de 2020 e 2021 virem a público no final de agosto. As coisas chegaram ao auge na última semana de agosto, quando um investimento planeado do empresário canadiano de criptomoedas Anthony di Iorio ter fracassado

Este drama obrigou a equipa que gere a carreira de Félix da Costa a entrar em discussões sobre uma mudança potencial para a Mercedes em 2022, caso de Vries fosse para a F1. Embora Félix da Costa não tenha discutido os detalhes das conversas dele e do seu empresário Tiago Monteiro com outras equipas, disse ao The Race que “que havia muita coisa a acontecer naquela altura, muito”.

Embora Félix da Costa ainda tivesse um ano do seu contrato com a DS Techeetah por cumprir, havia espaço e motivação para uma possível mudança. Além disso, as conversas com a recém-independente equipa Andretti, para a qual Félix da Costa dirigiu entre 2015 e 2019, também terão acontecido, mas acabaram por se dissipar quando Michael Andretti apostou em pilotos americanos para a sua formação pós-BMW.

Quando Albon foi confirmado na Williams, ao lado de Nicholas Latifi, no início de setembro, as chances de uma transferência de Félix da Costa para a equipa da marca alemã foram praticamente dissipadas.

Por outro lado, a notícia da escolha de Albon correspondeu à confirmação que a DS Techeetah ia implementar um plano de reestruturação, que deve ser anunciado formalmente no lançamento da equipa em França na próxima semana. Do lado alemão, a Mercedes decidia fechar a sua equipa na Fórmula E no final da temporada de 2021/2022.

Para a nova temporada de carros eléctricos, Félix da Costa irá ter ao seu lado o francês Jean-Eric Vergne.

Ramón Herrera


Links relacionados
 
Noticias:
   WEC: Ogier admite começar pelos LMP2
   FE: Dragon confirma Sette Câmara e Giovinazzi
   XE - Jurássico: Rosberg e Hamilton empatam nos pontos e Rosberg vence o campeonato
Categorias:
   Internacional
   Portugueses
   Campeonato FIA de Fórmula E
FotoFlash

Galeria
Galerias de Fotos









Mail List
Se pretender receber informação periodica sobre este site por favor inscreva-se indicando o seu:
Nome:
E-mail:



R4 Sim Racing

Direita3 - Desportos Motorizados

     Copyright sportmotores.com 2000-2007
Envie as suas noticias para press@sportmotores.com
Comentários e Sugestões: webmaster@sportmotores.com